Utilize o teclado para navegar, com Ctrl + nº da tecla

  Ctrl + 1 (menu)   Ctrl + 2 (conteúdo)   Ctrl+ 3 (busca)   Ctrl + 4 (mapa)   Ctrl + 0 (acessibilidade)
  Fonte Maior   Fonte Maior   Fonte Padrão
  Contraste
×
Turismo

Casa Finatto

Área: Casas

A casa de madeira precedente do início do século XIX era de dois pavimentos e propriedade do casal Ermelindo Piccinini e Francesca Franceschini. Ermelindo e seu irmão Amadeo possuíam uma fábrica de curtimento de pelegos para encilha de cavalos, denominada Piccinini & Cia, que em 1925 produzia cinco mil peças ano, sendo que a maior parte da matéria-prima de ovinos era oriunda da Argentina. No Rio Barramansa/Marrecão, aos fundos da Agência de Correios -  lote 29, é possível visualizar as ruínas de uma barragem que servia para a lavagem das peças de couro. No barranco de acesso ao rio existia uma construção em madeira utilizada para o processo de tratamento e secagem destas peças.

Em 1948 a casa foi adquirida pelos irmãos João e Santo Finatto que, em 1963, realizaram uma reforma. Eram os operadores da linha diária de ônibus Aratinga – Bento. A fachada de esquina passou a apresentar marcação em chanfro, sendo retirada também uma parte do pavimento superior. No piso térreo funcionou a histórica barbearia do Sr. João Finatto e de sua esposa Regina, a cabeleireira. O filho Valdemar Finatto continuou a atividade até o início da década de 1990. Foi também Subprefeito de Santa Tereza entre 1977/82 e Vereador no município de Bento Gonçalves. Lote 14 Sul

Autor do texto: Professor Cesar Augusto Prezzi

Câmara de Vereadores

Informações sobre as sessões plenárias e trabalhos realizados pelo legislativo municipal de Santa Tereza.

Monitoramento Rio Taquari

SMAD - Sistema de Monitoramento e Alerta de Desastres